Coimbra – Para controlar a vespa asiática

Comunidade Intermunicipal iniciou implementação de um projecto-piloto


Pombal 97 fm / Sociedade – Com o objectivo de controlar a vespa asiática, a Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra (CIMRC) arrancou com um projecto-piloto.
Trata-se de uma iniciativa promovida em conjunto com a Câmara Municipal de Vila Nova Poiares, autarquia que foi eleita dada a sua dimensão e centralidade na região. De resto, este Município vai receber mais de duas centenas de armadilhas, entretanto construídas pelos alunos de alguns estabelecimentos de ensino dos concelhos integrantes da CIMRC.
Segundo a Comunidade Intermunicipal, a intenção deste projecto-piloto é verificar o efeito directo das armadilhas na captura deste tipo de vespas através da utilização de alguma variedade de iscos - groselha, vinho branco e cerveja, por exemplo - e, ao mesmo tempo, quantificar o efeito que a medida poderá vir a ter na redução de ninhos criados pela vespa asiática. Caso seja bem sucedido, este sistema será aplicado, igualmente, em toda a área da CIMRC.
Esta comunidade, que integra os municípios de Arganil, Cantanhede, Coimbra, Condeixa-a-Nova, Figueira da Foz, Góis, Lousã, Mira, Miranda do Corvo, Montemor-o-Velho, Oliveira do Hospital, Pampilhosa da Serra, Penacova, Penela, Soure, Tábua e Vila Nova de Poiares, explica que a vespa asiática é uma grande ameaça para a abelha comum, por ser um predador para o qual a abelha não está preparada, razão pela qual se torna necessário o seu controlo.
 

97FM - Pombal Vértice Luminoso