Leiria – “Compromisso para a Humanização Hospitalar”

Cerca de meia centena de instituições assumem objectivos para humanizar cuidados


Pombal 97 fm / Saúde – O Centro Hospitalar de Leiria (CHL) integra um conjunto de 49 instituições hospitalares que assinaram o “Compromisso para a Humanização Hospitalar”.
O referido compromisso “abrange 15 dimensões objectivas de humanização, desenvolvidas pelo Grupo de Trabalho para a Humanização Hospitalar, criado pela Coordenação para a Reforma do Serviço Nacional de Saúde”.
Na cerimónia de assinatura do “Compromisso para a Humanização Hospitalar”, Marta Temido, ministra da Saúde, destacou, durante a sua intervenção na sessão de abertura, que “no prazo de três meses as instituições aderentes ao ‘Compromisso para a Humanização Hospitalar’ terão de definir um plano de acção com medidas concretas que devem abranger a globalidade dos serviços e profissionais de saúde, assim como identificar os prazos para a sua implementação”.
O documento assinado pelas 49 instituições hospitalares nacionais, preconiza 15 áreas que devem ser analisadas e alvo de intervenção para concretização e/ou melhoria. São elas “a orgânica institucional, a privacidade dos utentes, a personalização do cuidar e do tratar, a circulação dos utentes, as visitas aos doentes, o acolhimento dos profissionais, as normas de relacionamento com utentes, as normas de relacionamento interpessoal e interprofissional, a formação em comunicação, empatia e relacionamento, a psicologia positiva, promoção da saúde e bem-estar, as amenidades e segurança hospitalares para profissionais, o combate ao ruído, a promoção do silêncio, a avaliação da satisfação e a participação cidadã”.
Segundo Licínio de Carvalho, presidente do Conselho de Administração do CHL, “estamos muito empenhados em elaborar e concretizar o plano estratégico proposto, numa área já muito desenvolvida na nossa instituição, através do trabalho da Comissão de Humanização, que tem vindo a dinamizar as áreas que integram o compromisso”.
Este responsável sublinhou, depois, que “os cuidados de saúde prestados aos nossos utentes são, desde sempre, a nossa prioridade e pretendemos continuar a apostar na humanização desse cuidar, que vai desde a segurança e qualidade, inovação e tecnologia, à personalização, empatia e atitude dos profissionais”.
Para a secretária de Estado para a Saúde, Raquel Duarte, os responsáveis integrantes do compromisso têm, nos próximos três meses, “a obrigação de desenhar, com as vossas pessoas, planos que sejam mensuráveis e definir os tempos de concretização” pois, concluiu, “podemos ser melhores se trabalharmos juntos, cada um no seu espaço, mas com uma partilha entre todos”.
De acordo com o documento, após a apresentação dos planos, “cada instituição fará a devida monitorização da execução das medidas planificadas e o devido acompanhamento e registo”.

97FM - Pombal Vértice Luminoso