Pombal – Companhia de teatro local solidária

Teatro Amador de Pombal (TAP) promove espectáculo de apoio às vítimas de Pedrógão Grande


Pombal 97 fm / Sociedade – A juntar a tantas e tantas manifestações de solidariedade, oriundas de todo o País e, também, do estrangeiro, eis que surge, agora, uma oriunda do Teatro Amador de Pombal (TAP).
Esta companhia de teatro pombalense, “num gesto de cidadania e solidariedade”, vai promover um espectáculo “de apoio às vítimas do incêndio que assolou a região Centro, em Pedrógão Grande, Figueiró dos Vinhos e Castanheira de Pêra”.
Assim, o último espectáculo do TAP, “Lusíadas?”, sobe ao palco do Teatro Cine de Pombal, na próxima sexta-feira, dia 23, a partir das 22h00, com os bilhetes de ingresso a não terem “valor definido, sendo o espectador quem define o preço do bilhete e dá o que entender, de acordo com as suas possibilidades”.
A totalidade da bilheteira reverterá para a ajuda às vítimas da tragédia, com o espectáculo a permitir, aos espectadores, a assistência a uma adaptação livre de "Os Lusíadas", de Luís Vaz de Camões, com encenação de Luis Catarro.
Este último trabalho do TAP conta com interpretações de Carla Ribeiro, Daniela Gaspar, Gabriel Bonifácio, Humberto Pinto, Patrícia Rolo, Patrícia Valente e Paulo Rodrigues. Tem produção de Joana Mendes, os figurinos são de Elsa Silva e o desenho de luz é da responsabilidade de João Alegrete.
“Lusíadas?” tem uma duração aproximada dos 45 minutos e trata-se de uma espectáculo com a classificação etária de 6 anos.


(Texto escrito com a antiga grafia)

 

97FM - Pombal Vértice Luminoso