A abertura da Base Aérea de Monte Real à aviação civil

O estudo sobre a abertura da base aérea à aviação civil internacional, promovido pelo Fórum Centro Portugal, foi suspenso, embora a estratégia de fundamentar a viabilidade do projecto se mantenha.


“Os estudos foram suspensos sem se encontrarem concluídos”, revelou à agência Lusa Manuel Queiró, presidente do Fórum Centro de Portugal. O professor universitário e antigo deputado do CDS-PP disse existirem razões – que recusou adiantar – para o estudo não ter sido concluído, apenas afirmando que aquelas “não são imputáveis” ao organismo a que preside. O grupo de estudo para a abertura da Base Aérea de Monte Real à aviação civil internacional, coordenado por António Pais Antunes, da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra, iniciou o trabalho em Maio de 2009 e previa a entrega do relatório final em Março de 2010. Integrava outros professores universitários e investigadores, além de representantes da ANA – Aeroportos de Portugal, da NAV Portugal, do Instituto Nacional da Aviação Civil e da Força Aérea Portuguesa. O plano de trabalho, apresentado publicamente em Maio do ano passado, contemplava capítulos sobre a importância dos aeroportos no desenvolvimento regional e a utilização de aeroportos militares para fins civis. Outras áreas do documento residiam na procura de viagens aéreas no Centro Litoral e o papel do aeroporto de Monte Real na rede nacional de aeroportos.

Guia - Salão José Maria Duarte | 2017-05-25 | 14:30 - 16:00
Rotunda Do Bombeiro | 2017-05-26 | 19:00 - 20:00
Centro escolar de Almagreira | 2017-05-26 | 09:30 - 15:00
Zona Desportiva de Pombal | 2017-05-26 a 2017-05-27
Escola Secundária de PPombal | 2017-05-26 a 2017-05-28
97FM - Pombal Vértice Luminoso