Pombal – Pelo Observatório das Autarquias

Câmara Municipal considerada uma das “Mais Familiarmente Responsável”


Pombal 97 fm / Sociedade – A Câmara Municipal de Pombal foi distinguida, pela primeira vez, pelo Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis.
O Município pombalense é uma dos 58 que, este ano, recebem o galardão. No distrito de Leiria (que engloba 16 Municípios), é a única autarquia distinguida.
“Esta distinção é um reconhecimento das políticas pensadas e desenvolvidas por este executivo nas áreas da educação, acção social, solidariedade, sendo  também um incentivo para a prossecução e implementação de mais e melhores políticas de apoio à família no Município de Pombal”, afirmou o presidente do Município pombalense.
Segundo Diogo Mateus “as políticas amigas da família, destinadas a todos os pombalenses, continuam a ser prioridade na gestão autárquica, por forma a dar mais qualidade de vida a todos”.
De resto, o autarca recorda que um dos objectivos do mandato do actual executivo, eleito em 2013, “era o de integrar a Rede Nacional das Autarquias Familiarmente Responsáveis”.
Refira-se que, nos oito anos daquele Observatório, apenas duas Câmaras Municipais do distrito de Leiria foram distinguidas pelas suas medidas de apoio às famílias: a de Óbidos (2009) e, agora, a de Pombal.
São muitas as medidas implementadas pelo executivo liderado por Diogo Mateus para as famílias pombalenses e que o Observatório teve em conta.
Entre elas, destacam-se o alargamento dos transportes escolares gratuito a todos os alunos até ao 12º ano de escolaridade, uma das medidas inéditas no País (implementadas em 2015), o “Programa Municipal de Potenciação do Sucesso Escolar” (destinado aos alunos do 1º Ciclo), os apoios para a aquisição de livros e material escolar e a criação de linhas especiais de apoio às famílias numerosas (que, para além dos livros e material escolar se estende à alimentação), a atribuição de bolsas de estudo a alunos de famílias economicamente carenciadas e que frequentem o Ensino Superior, a redução da taxa de IMI para as famílias, a adesão ao “Projecto Like Saúde”, ou a construção de rampas em espaços públicos e em habitações de famílias carenciadas, entre outras.
O Observatório de Autarquias Familiarmente Responsáveis foi criado pela Associação Portuguesa de Famílias Numerosas e a prestação das autarquias foi avaliada através de um inquérito feito a nível nacional, cuja participação é voluntária.
Para a atribuição da bandeira verde de “Autarquia Familiarmente Responsável 2016” foram avaliadas áreas como o apoio à maternidade e paternidade, apoio às famílias com necessidades especiais, educação e formação, habitação e urbanismo, transportes, saúde, cultura, desporto, lazer e tempo livre, cooperação e participação social.

(Texto escrito com a antiga grafia)

 

97FM - Pombal Vértice Luminoso